domingo, 12 de junho de 2011

Vista Chinesa - RJ.






Ok... pessoas, eu sei que preciso de um cursinho básico de fotografia, rsrsrsr.
Mas, não posso deixar de registrar tudo de bacana que vejo, quero sempre dividir com vocês.
Difícil escrever alguma coisa, depois de ver (de perto) tanta beleza...afff!
O carioca tem disso, sempre se surpreende com determinadas paisagens, mesmo já conhecendo e estando ali algumas vezes.
Tenho essa sensação quando passo pelo Aterro do Flamengo, impossível não se impressionar com a beleza cênica...
Mas, agora vou apresentar outro ponto turístico: Vista Chinesa.
Fica incrustrada na Floresta da Tijuca, o acesso somente de carro ou de "bike" (se você for atleta, hehehe).
A vista é i-ne-nar-rá-vel...de tirar o fôlego!
Visite durante o dia, trafegue (de carro) devagar, não ultrapasse 40km/h, pois as curvas são fechadas e as pistas são divididas em mão e contra-mão e com ciclistas.
As condições das estradas são boas.
É possível admirar a vista, passear, praticar atividades físicas, andar de "bike", patins, à pé, observar as aves e macacos.
Mas, não esqueça de recolher o seu lixo e de levar o kit piquenique, hehehe...
Pois, não há comércio nas proximidades.
É um dos mais famosos pontos turísticos da cidade, localiza-se na subida próxima ao Alto da Boa Vista.
Durante o percurso, há outros pontos de observação (mirantes) e algumas quedas-d'agua e cachoeiras, onde no verão torna-se uma alternativa refrescante as escaldantes e disputadas praias.
video

Mais informações sobre a origem do local, você encontra aqui:  http://pt.wikipedia.org/wiki/Vista_Chinesa

Detalhe: É grátis.

Parque Lage: RJ.

Localizado na Zona Sul carioca o Parque Lage é muito visitado, ali: cariocas, turistas e amantes das artes se encontram.
Endereço: Rua Jardim Botânico, 414  - bairro Jardim Botânico.
Ponto de referência: ao lado do Jardim Botânico do Rio de Janeiro.
Conheça mais sobre o local:  http://www.eavparquelage.rj.gov.br/
Por lá, funciona a escola de belas artes com: excelentes cursos alguns pagos outros gratuitos,  exposições de artes e tem uma biblioteca pública.
Bem localizado, amplo e bem arborizado.
Cheio de trilhas e belos cenários, tem a vantagem de funcionar diariamente das 08 horas até às 18 horas.
A entrada  e o estacionamento são gratuitos.
Opte por roupas leves na primavera  e no verão, ou agasalho no outono e inverno e use calçados confortáveis (tênis).
Há muito o que se fazer por lá: atividades físicas, passear e brincar ao ar livre com crianças, fazer trilhas, observar a fauna e a flora, fazer piquenique, ver as exposições de artes, conhecer o aquário, tirar fotos, passear por entre as grutas, observar as carpas e patos no belo lago, ufa...
Também há o famoso café da manhã, que é tradicional e concorrido aos domingos, este é pago e para aproveitar chegue cedo.
Ví muitas árvores frutíferas e muitos, macacos, não micos, macacos àvidos por comida... afff!!!
Resista bravamente, não dê comida e cuidado ao se aproximar deles.
video


Sugestão de kit piquenique (rsrsrs):
Bolsa grande
repelente
filtro solar
garrafinha de água
frutas
manta ou kanga para forrar no chão
um bom livro
máquina fotográfica
saco de papel para recolher o lixo.

Olhe o macaco, ele está no bambu. Este parecia não ter medo de gente. Saiu nas foto de várias pessoas.




segunda-feira, 6 de junho de 2011

A escola que ensinou uma lição de amor...

Sempre acreditei que escola é lugar de aprender.
Aprender uns com os outros, aprender com os professores e com os próprios erros.
Aprender a ser um ser humano melhor...
Sei que o termo bullying é considerado novo por aqui, mas todos nós conhecemos e vivenciamos esta realidade nos tempos de escola.
Sabiam que existem vários tipos de bullying?
De aluno para aluno, de aluno para professor e de professor para aluno? Afff!!!
Para mim, isso nada mais é do que falta de respeito ao próximo, falta de amor no coração.
Pois bem, não é disso que quero falar. Quero apresentar a vocês a escola que acredito.
Aquela que ensina para vida, incentiva a construção de laços de amizades e encoraja.
Parabéns Arthur, você é um felizardo!!!
Viva o mestre Paulo Freire.